Corredores de DSV decepcionam na vitória em casa da Noruega

Os esquiadores de cross-country alemães ficaram desapontados com a Copa do Mundo de Sprint em Drammen, na Noruega. O velocista Sandra Ringwald e Anna Winkler foram eliminados como o melhor alemão nas quartas de final e terminaram na declaração final nos quadrados 22 e 26.

As restantes três mulheres alemãs já foram eliminadas na qualificação. O vencedor foi o herói local Maiken Caspersen Falla, à frente da campeã olímpica de Pyeongchang, Stina Nilsson (Suécia), que teve a chance de vencer a Copa do Mundo de sprint. Atualmente, a Falla tem 48 pontos na classificação de disciplina.

Após a parada da Copa do Mundo no domingo, em Oslo, cinco dias depois, no final da temporada, no Falun Sueco, um sprint final do estilo freestyle no programa.

Para os homens, Sebastian Eisenlauer, da Sonthofen, o único participante alemão, também terminou após a liderança. Ele terminou o 42º lugar. O vencedor do dia foi o campeão olímpico Johannes Hösflot Kläbo (Noruega) à frente do compatriota Eirik Brandsdal e do russo Alexander Bolschunow.

Para a Associação Alemã de Esqui (DSV) continua a temporada decepcionante, que atingiu seu ponto baixo nos Jogos Olímpicos de Pyeongchang. Na Coréia do Sul, os esquiadores de cross-country alemães permaneceram como esperado sem uma medalha.

Related posts

Leave a Comment